Secretaria Municipal de Desenvolvimento Sustentável

RODRIGO VARGAS RIBEIRO - Secretário Municipal

Contato: (28) 3552-4297 - Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

+ Informações

Criada pelo Projeto de Lei Nº 15/2005, de 17 de maio de 2005. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Sustentável - SEMDES tem o objetivo de promover a execução das políticas da Administração Municipal na área de desenvolvimento econômico, bem como as atividades ligadas ao desenvolvimento urbano, à ciência e tecnologia, à organização social e à geração de emprego e renda no Município. 
 
Também compete à SEMDES: contribuir e coordenar a formulação do Plano de Ação do Governo Municipal e de programas gerais e setoriais inerentes à Secretaria; garantir a prestação de serviços municipais de acordo com as diretrizes de governo; elaborar plano de desenvolvimento sustentável para o Município, atualizando-o permanentemente.
 
Endereço:
PREFEITURA MUNICIPAL DE ALEGRE 
SEMDES - Secretaria Municipal de Desenvolvimento Sustentável 
Av. Dr. Olívio Correa Pedrosa, 518
Alegre - Espírito Santo - CEP 29500-000

Telefone de contato:
(28) 3552-4297 / 1857

Imprimir

SEAG retoma estudos de obras na barragem de Jerusalém em Alegre

Escrito por Publicador ligado . Publicado em Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável

 Hoje (17), aconteceu, no gabinete municipal, a reunião entre a Prefeitura de Alegre, através das Secretarias Municipais de Obras Planejamento Urbano e Serviços Públicos, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), e a Secretaria Estadual da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (SEAG), para discussão da retomada da obra da Barragem de Água em Jerusalém.
O projeto, que foi anunciado pelo Governo do Estado em novembro de 2017, necessitou ser paralisado por problemas na contratualização.
Agora, com a retomada, o Setor Técnico da Prefeitura de Alegre, juntamente com engenheiros da SEAG, para prosseguir com os estudos de engenharia e avaliação da obra. 
Além da reunião, os profissionais atuaram em uma visita in loco no local de instalação da nova barragem que terá a capacidade de armazenar 104 milhões de litros de água em três hectares.